Software livre é o destaque no terceiro dia de Campus Party

Liberdade de acesso e democratização das informações da internet é um dos pilares de mais essa edição da Campus Party Brasil. O terceiro dia do maior encontro tecnológico do mundo não recebeu a tantas presenças ilustres e nem teve tantos problemas de falta de energia e internet como nos primeiros dias. Os campuseiros, já instalados, puderam acompanhar outra série de palestras e debates, além de começarem a expor alguns de seus próprios trabalhos.

Entre os profissionais de peso que compareceram ao barracão da Campus nessa quarta-feira esteve  Jon Maddog Hall, diretor executivo da Linux internacional. Após participar de edições anteriores do evento no Brasil e pelo mundo, Maddog  retornou ao palco principal para “introduzir a população de países em desenvolvimento, como o Brasil, na era digital”. Um dos nomes mais fortes no mundo no que diz respeito à luta pelo software livre, ele procurou mostrar as vantagens que a liberdade de acesso ao código dos programas por desenvolvedores, e a sociedade em rede, podem trazer à população.

Também em defesa da liberdade na rede, o debate ‘Hackeando Dados – Democratizando os dados públicos’ trouxe ao palco Mídias Sociais profissionais brasileiros do ramo para falar sobre como os dados gerados por ferramentas de mídias sociais podem revelar dados sobre a nossa sociedade.

Outro acontecimento, esse inesperado, também atraiu a atenção do dia. O analista de redes Ferdinando de Paula, 23 anos, surpreendeu a todos ao pedir sua namorada em casamento durante uma palestra no palco do Software Livre. Ele subiu ao palco e mostrou um slide com os personagens do game Super Mário Bros e a frase “@DanielaBenicia, vc quer se casar comigo?” Em seguida se ajoelhou diante de sua namorada, que aceitou o pedido, e foi aplaudido por todos os presentes.  Mas se algo desse errado, Fernando já tinha preparado um slide preto com a frase ‘GAME OVER’.

No inicio da madrugada, novos problemas técnicos deixaram parte dos campuseiros presentes no barracão principal do evento sem internet, gerando mais protestos e reclamações.

Anúncios

Sobre João Paulo

Data Intelligence na Ogilvy. Bacharel em Comunicação Social - Midialogia pela UNICAMP. Me dedico à compreensão, planejamento e execução de estratégias de comunicação em plataformas de mídias sociais. Leio muito sobre sobre Social Media e Transmedia Storytelling. Ver todos os artigos de João Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: